terça-feira, 16 de setembro de 2008

Guia do Pão-Duro 2

Há uns três meses ouvi no Rock Bola uma entrevista com Gustavo Nagib, autor do Guia do Pão-Duro 2. A entrevista foi muito engraçada, o Gustavo fala muito bem e conseguiu me convencer a comprar o livro. Depois de almoçar, passei na Saraiva do Ouvidor e comprei um exemplar.

Ficou durante esse tempo todo na minha cabeceira e só agora li. O livro é bom, o texto é bem leve, fácil de ler e você não percebe o tempo passar. Não é para se escangalhar de rir, mas possui algumas sacadas ótimas.

Destaquei uma bacana:

Festa de criança

Não li nada a respeito, não me lembro de nenhuma roda de amigos abordar esse assunto, mas acho que todo dia uma nova casa de festas é aberta. Taí um negócio que deve dar um dinheiro... Os pais do aniversariante desembolsam uma grana e têm tudo lá: brinquedos, recreadores, música, comida. E com a grande vantagem de que depois da festa não é preciso arrumar nem limpar nada.

Como todo negócio, há umas pegadinhas para nós, mortais convidados. São pegadinhas que visam a, exatamente, fazer com que usemos menos. Quando você for a uma festa dessas, preste atenção na hora em que o animador chamar os "papais e mamães para brincar". É a hora em que eles colocam a armadilha para funcionar!

Eles, os donos da casa, querem que a gente consuma menos, claro. Não tenha dúvida. Ao ser chamado para a brincadeira, diga não. Não vá mesmo. Enquanto os adultos brincam feito bobos, são servidos os salgadinhos mais gostosos e caros. Você fica brincando de cabo-de-guerra enquanto eles passam com bolinho de bacalhau. Você fica brincando de estourar balões e eles desfilando entre os que ficaram nas mesas com camarão ao catupiry. Tome cuidado com mais essa estratégia. Até porque festas de criança é para criança brincar e adulto comer.

O Blog Guia Ilha do Governador - Alternativo! também é cultura.

Abraços, Izidoro Silva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário