segunda-feira, 24 de outubro de 2011

O Lobisonho da Montanha

Num feriado prolongado qualquer, numa casa no meio de um belíssimo vale em Petrópolis, fizemos um filme de terror: O Lobisonho da Montanha. O casal que abre a fita sou eu e minha digníssima.

Estávamos bêbados. Muito bêbados. Extremamente bêbados. Texto e direção da minha digníssima.



Taquiupariu! Como eu era esquisito. Fico tentando saber como consegui arrumar uma mulher tão bonita quanto minha digníssima. Mentira, eu sei porque: sou inteligente, engraçado, companheiro, culto ...

O filme foi rodado em VHS. Recentemente digitalizado e editado por André Gribel, da Rádio Inter Top.

2 comentários:

  1. Valeu pela diversão mas cuidado para voces não matarem o Zé do Caixão de raiva....rs rs rs .
    Martina eu sempre vi voce como uma tremenda bailarina mas seus dotes não pararam ai como atriz voce também faz a diferença.
    Bom ver voce e sua irmã, com certeza voce não se recorda de mim sou pai da Melissa (Mel).
    Valeu gente, Izidoro / Norton forte abraço, conseguiu baixar o livro da Globo?

    ResponderExcluir
  2. Fala Aguilar,

    Não acho que o Zé do Caixão irá ficar com raiva, no máximo vai nos convidar para um de seus filmes.

    Consegui baixar o livro neste site, foi bem tranquilo achar.

    Vou mandar seu recado para a Martina.

    Abraços.

    ResponderExcluir