sábado, 17 de outubro de 2009

Roberto Carlos Em Detalhes

Qualquer pereba com conexão à internet hoje em dia sabe que é impossível proibir a livre circulação de informações. Quando um vídeo é publicado no Youtube, não há liminar da justiça que impeça que as pessoas assistam. Quase que instantaneamente o vídeo é replicado, baixado, repassado e visto por milhões de pessoas. Vide caso da Daniela Cicarelli.

Outro dia lembrei do caso em que Roberto Carlos proibiu a circulação de uma biografia não autorizada, o Roberto Carlos Em Detalhes. Muito difícil de engolir, um artista que sofreu com a repressão da ditadura (tá bom, ele não sofreu tanto assim. Um iê iê iê não incomodava tanto a ditadura) censura um livro. Completamente inadmissível alguém censurar um livro.

Enfim, essa postagem é para manifestar meu repúdio, ainda que tardio, a essa decisão do "rei", e falar o quanto essa decisão foi inútil, porque, no Google, qualquer um pode fazer o download gratuitamente do livro "Roberto Carlos Em Detalhes".

2 comentários:

  1. Eu li, é bom demais, trabalho de profissional, pesquisador sério e fácil de comprovar em outros livros sobre a mesma época e pessoa. ( Como Dois e Dois são Cinco, Tim Maia, Chega de Saudade, etc )  

    Como diz o Carlinhos Lyra, Feio, Não é Bonito, o que o Rei fez com o escritor. Daqui a cem anos só o livro será conhecido, como referência da nossa época e seus personagens, entre outros textos. A música do Rei vai estar esquecida, imprópria para 2109, ou alguém ouve Maurice Chevalier ou Debussy nas rádios populares hoje em dia ?

    O poder excessivo ou a crença exagerada, a certeza, sempre enlouquecem a pobre mente humana limitada a 10% do próprio tamanho, como lembra Rauzito em Ouro de Tolo. Essa já é uma música eterna...quase uma sessão de terapia ! 

    Deixo aqui pedaço da entrevista que achei, de 2007, com Paulo Sérgio, que deve estar nos EUA, trabalhando numa Faculdade, eu acho.... 

    Perguntaram prá ele se ainda tinha algum prazer ouvindo Roberto Carlos cantar e ele disse..

    <span>Eu continuo ouvindo suas canções com o mesmo prazer. A diferença é que antes eu ouvia apenas como fã; agora ouço como alguém que entrou na história de Roberto Carlos e compreende as limitações dele.</span>

    Fino e contundente...

    ResponderExcluir
  2. disculpi, Paulo César....

    ResponderExcluir