terça-feira, 2 de março de 2010

Casa do Índio

Confesso que nunca visitei a Casa do Índio da Ilha do Governador, mas mesmo assim me sinto na obrigação de passar adiante a informação.

A sertanista Eunice Cariry, que fundou a instituição há 41 anos, foi exonerada pela FUNAI. No dia 20 de março, sábado, às 10 da manhã, todos que são contrários a esse abuso se unirão para um abraço à Casa. Não conheço a dona Eunice, mas a mobilização em torno dela está envolvendo muita gente que faz a Ilha do Governador.

Leiam esse texto no blog do Gógol e repasse a informação.

3 comentários:

  1. Confesso que não entendo esses protestos pacíficos que as classes mais abastadas (ou menos desabastadas) do Rio de Janeiro fazem. Se é em Bangu, queimam ônibus. A pergunta é: qual dos dois funciona melhor?

    ResponderExcluir
  2. Quando todas as formas de negociação não funcionam, a violência torna-se legítima.

    Beijos.

    ResponderExcluir