quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Ataques no Rio de Janeiro

O Rio está parecendo Nova Iorque no dia 12 de setembro de 2001. Se alguém estourar um saco na rua corre o risco de ser preso por terrorismo. Concordo que em alguns lugares a recomendação é ficar em casa, mas muita gente aproveita para não trabalhar ou deixar de fazer suas obrigações com a desculpa da violência.

Muitas pessoas realmente ficam apavoradas, mas hoje fui em um evento em uma escola no Centro, longe da confusão, que no turno da manhã só teve um professor presente e as aulas foram canceladas na tarde. Sem motivo, os funcionários desmotivados pelas condições de trabalho precárias só precisaram de uma pequena desculpa para fechar a escola.

Estou acompanhando os ataques pela internet e rádio e acho tudo muito exagerado. Não mudei em nada minha rotina, e não vou cair no jogo dos traficantes, que querem exatamente isso.

Acho as UPPs um boa medida, pessoas que há 20 anos ou mais conviviam com a violência diariamente agora podem dormir com tranqüilidade, apesar de algumas ocorrências de abusos por parte dos policiais. Agora, isso não vai resolver o problema da violência, só vai mudá-la de lugar, como está ocorrendo. O que realmente acaba com o problema são escolas de qualidade, saúde, emprego, saneamento básico entre outras coisas.

Infelizmente falhamos como sociedade ao prover uma vida digna para todos os cidadãos. Agora estamos pagando o preço por isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário