quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Erês e tambores ancestrais


Mesmo que nenhum grupo de samba esteja tocando, é possível ouvir tambores primitivos reverberando da Pedra do Sal. É possível sentir o doce dos quitutes da Tia Ciata e os versos de João da Baiana. O sangue dos animais imolados aos Orixás.

E foi nesta mesma pedra que me juntei a dois erês para escorregar onde cantaram nossos ancestrais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário